Bibliotecas itinerantes reinventam a forma de freqüentar bibliotecas no Brasil

Corte de Verba,  faz governo da  Inglaterra  fechar centenas de Bibliotecas públicas, enquanto isso, ONGs brasileiras  inventam novas Bibliotecas que empresam livros através do Taxi e das Bicicletas sem nenhum centavo do governo.

Enquanto uma violonista toca  “Jesus Alegria dos Homens”, um jovem morador da rua examina um livro contendo a relação de espécimes raras de pássaros encostado na “Bicicloteca” um híbrido de Bicicleta e biblioteca que circula pelas praças da cidade,  o rapaz de cerca de 30 anos,  parece surpreso em reconhecer aves raras que habitam as praças da quinta maior metrópole do Mundo.

A Bicicloteca é um movimento independente que nasceu mais ou menos ao mesmo tempo em várias partes do mundo, mas com uma coisa em comum, chegar onde a Biblioteca pública não chega, ou não é acessível para uma grande  parte da população, que não tem onde morar,  sem  um endereço fixo, não é possível conseguir um livro numa biblioteca Pública.

Mas a Bicicloteca de São Paulo tem uma função nova, recuperar a auto-estima de pessoas em situação de rua, este tipo de gente , mora em favelas, abrigos e por uma tragédia qualquer, acabaram tendo que viver nas ruas.  No Brasil, o morador de rua, não recebe nenhum subsídio do governo, não recebe atendimento adequando que possa recuperá-lo e re-inseri-las na comunidade, conseguir trabalho e educação.  É aí que entra nosso personagem, o Robson Mendonça.

Encontrei o Robson Mendonça durante um passeio de bicicleta com o Prefeito  Sam Adams da Cidade de Portland,  que estava em São Paulo para reunião da C-40,  presidido pelo Prefeito Michael Bloomberg e o Ex-Presidente dos EUA  Bill Clinton , e também com o Secretário de Meio Ambiente de São Paulo, Eduardo Jorge. Após o passeio,  acompanhei o Secretário do Meio Ambiente até a Biblioteca Pública, no centro da cidade de São Paulo,  haveria ali um evento simbólico de plantio de árvore.

Nesta ocasião, encontramos o Sr.  Mendonça com uma Mochila nas costa, cheia de livros, entregando um  livro para cada morador de rua, ele nos disse que o sonho dele era conseguir um veículo para entregar maior quantidade de livros aos moradores de rua. Intrigados, queríamos saber porque ele entrega livros para Moradores de rua? A resposta foi,  “Eu aprendi a ler na época que eu também era morador de rua”, ele conseguiu sair das ruas, depois de ter lido o  Livro “A revolução do Bichos” de George Orwell.

O Instituto Mobilidade Verde construiu  um Triciclo, acoplou um baú na parte traseira, e com uma geometria especial,  a Bicicloteca pode transportar 300 livros por dia, sem necessitar de combustível, de forma sustentável, barata e segura.

Com a Bicicloteca o Sr.  Robson Mendonça já emprestou 5.000 livros em dois meses de operação.  Uma campanha Estadual através de rádios e TVs conseguiu levantar 12.000 livros  que foram doados pela população.

O Instituto vai construir mais 9  Biciclotecas até o final do ano e doa-las para  que comunidades locais possam  desenvolver  o compartilhamento de livros entre si.

3 respostas em “Bibliotecas itinerantes reinventam a forma de freqüentar bibliotecas no Brasil

  1. Adorei esse projeto e queria saber mais informações de como fazer parte dele, pois sou professora e leciono aulas de reforço , procuro cada vez mais estimular a leitura para as crianças.Gostaria de levar esse projeto para as pessoas que por algum motivo não podem e não puderam ter acesso ao mundo mágico chamado LEITURA.
    Gostaria de um telefone para contato,fico aguardando o contato o mais breve possível.

    Obrigada,
    Débora

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s